A que horas você janta? Comer mais cedo é a chave para emagrecer, aponta estudo

O que vem sendo chamado de “Alimentação Antecipada com Restrição de Tempo restrição” (ETRF, em sua sigla em Inglês), é o processo pelo qual as pessoas comem sua última refeição no meio ou quase finalzinho da tarde e não comem mais novamente até o café da manhã da manhã seguinte.

Um artigo científico recente considera que existe relação entre o tempo em que é habitual jantar e ao tratamento de gorduras e hidratos de carbono.

De acordo com esta pesquisa apresentada dias atrás na ObesityWeek 2016, evento organizado pela Obesity Society Annual Meeting, na cidade de Nova Orleans, EUA, foi possível descobrir que a “Alimentação Antecipada com Restrição de Tempo” tem reduzido as oscilações nos padrões de fome e alterado a queima de gorduras e hidratos de carbono, que podem ajudar você a perder peso.

Por que é preciso comer mais cedo?

O especialista no assunto, Courtney Peterson, conduziu o estudo no Pennington Biomedical Research Center (EUA) e destacou o porquê seria aconselhável jantar mais cedo, por exemplo, por volta das 18 ou 19 horas. Segundo ele, jantar mais cedo, ou mesmo pular o jantar, pode ter alguns benefícios para a perda de peso. Desde que, vale ressaltar, isso seja feito com acompanhamento de profissionais especializados na área de saúde, nutrição e dietética.

O corpo tem um relógio interno, e muitos aspectos do metabolismo estão em um ótimo desempenho na parte da manhã. Portanto, comer em alinhamento com relógio circadiano do corpo pode ir influenciar positivamente a saúde. E a “Alimentação Antecipada com Restrição de Tempo” mostra que isto também se aplica ao metabolismo, afirma o especialista.

A pesquisa aplicada na prática

A equipe liderada por Peterson avaliou 11 homens e mulheres com excesso de peso durante 4 dias com uma agenda reduzida de refeições com o jantar a partir das 18h ou 19h, enquanto também avaliava por mais 4 dias, mas com uma programação normal, onde o jantar começou às 20 horas (ou seja, além do tempo indicado).

Os pesquisadores descobriram que as flutuações diárias da fome foram reduzidas e o aumento da queima de gordura aumentou durante várias horas durante a noite naqueles que se alimentaram em refeições mais antecipadas no horário do que o outro grupo. Eles também tiveram melhorada a flexibilidade metabólica que é a capacidade do corpo para alternar entre os hidratos de carbono e a queima de gorduras.

Vale destacar, como ressalta o especialista norteamericano, que a pesquisa sobre a alimentação antecipada está no início de seus testes em seres humanos. Mas os primeiros resultados já mostram que é possível perceber uma ligaçõe entre esta abordagem inovadora e prevenção da obesidade.

E, mesmo que ainda inicial, esta informação trazida pela equipe de Peterson é adicionada a outro estudo recente do European Journal of Clinical Nutrition, através do qual se sustenta que a privação do sono pode levar as pessoas a consumir mais calorias durante o dia.

Então, para tentar te auxiliar a comer bem, em casa, de forma antecipada do horário tradicional e ainda te uma boa noite de sono reparador das energias, nós sugerimos uma receita simples de fazer, mas com ótimo sabor até ao mais apurado os paladares. Apenas lembre-se: faça de tudo para comê-la antes das 19h!

Bônus: Esta receita simples de fazer irá antecipar o seu jantar e ainda vai deixá-lo très chic

Tomates frescos e beterraba assada à moda Le Bou

Ingredientes
1/2 cebola roxa pequena
30g de ricota defumada
5 folhas de hortelã higienizadas
1 beterraba assada pequena
1 tomate verde médio
Flor de sal
Flor de sal defumada do Chipre
Pimenta do reino preta moída
Azeite

Modo de preparo
• Cortar a cebola roxa em julienne.
• Cortar o tomate verde em 6 partes, na vertical.
• Para a beterraba: assar a beterraba a 150 graus inteira, envolta em papel alumínio com um fio de azeite, sal e pimenta do reino preta moída, por aproximadamente 2 horas (ou até que ela esteja macia até o centro).
• Descascar e corta-la da mesma forma que cortou o tomate.
• Em um bowl, misturar a cebola roxa, tomate, hortelã rasgada com as mãos (antes de rasgá-las, bata as folhas na palma das mãos para liberar aroma) e a beterraba.
• Tempere com a flor de sal (só uma pequena parte, pois finalizaremos com a flor de sal defumada do Chipre), azeite e pimenta do reino.
• Quando tudo estiver temperado, colocar a salada no centro do prato, dispor a ricota defumada quebrada nas mãos sobre a salada.
• Passar um fio de azeite e finalizar com a flor de sal.
• Jantá-lo antes das 19h.

Deixe um comentário