Hormônios e emagrecimento

Aliados ou inimigos? Veja porque os hormônios e emagrecimento estão ligados e como usá-los para emagrecer

Os hormônios e emagrecimento são assuntos inseparáveis. Pelo menos para a maioria das mulheres, que associam os hormônios e o excesso de peso. Essa afirmação não estaria de todo errada.

Na verdade o desequilíbrio dos níveis hormonais afeta consideravelmente o controle do apetite. Os hormônios influenciam no humor e na ansiedade. E é aí que se inicia o processo de acúmulo das gorduras corporais.

A boa notícia é que cada vez mais estudos estão desvendando a ação dos hormônios para emagrecer. E assim aprendemos a transformá-los em nossos aliados no processo de emagrecimento. Ao invés de nossos maiores inimigos na perda de peso.

O hormônio que mais está ligado a perda de peso é a grelina hormônio da fome. A grelina tem função de regular o apetite na mesa e fora dela. Quando você está de estômago vazio, é este hormônio que te avisa que já está na hora de se alimentar.

Como controlar a grelina? Comendo a cada 3h alimentos que não tenham muitas calorias, e mastigando devagar em todas refeições, pelo menos 20 vezes. E após comer descance, dê tempo para que seu corpo possa acelerar a produção de grelina.

Outro hormônio ligado ao apetite é a leptina hormônio da saciedade. A leptina é conhecida por regular o apetite humano e por combater as células de gordura fazendo com que o excesso de peso comece a diminuir.

Existem alimentos que aumentam a leptina no organismo principalmente os que possuem zinco. O zinco pode ser encontrado em grãos e carne bovina. Também deve-se evitar alimentos ricos em frutose, pois ela inibe seus receptores de leptina.

E por último mais um hormônio que atrapalha a dieta, o cortisol hormônio do stress. Durante períodos de estresse há mudanças fisiológicas reais que acontecem em nossos corpos, uma das quais é o ganho de peso.

Os alimentos que diminuem o cortisol são os ricos em micronutrientes. Tais como proteínas magras, abacate, frutas frescas e vegetais, alho e gengibre. Para controlar o cortisol deve-se evitar alimentos açucarados, excesso de carboidratos e cafeína.

1 comentário em “Hormônios e emagrecimento”

Deixe um comentário