Top 3 Remédios Naturais para Emagrecer e Liberados pela Anvisa em 2018

Um remédio para emagrecer natural pode ser a solução para perder peso rápido, no entanto a maioria dos fármacos devem ser combinados com regime alimentar e exercícios, pois sozinhos não trazem os resultados esperados.

No Brasil foram liberados pela Anvisa em 2018 diversos produtos, alguns podendo até ser manipulados e adquiridos em drogarias.

Remedio para Emagrecer Natural

A maioria dos medicamentos são vendidos apenas com prescrição médica. E vale ressaltar que por causarem vários efeitos colaterais, não é qualquer pessoa que pode adquiri-los.

De acordo com as orientações, somente pessoas com índice de massa corporal (IMC) de 30. Ou com IMC 27, desde que tenham doenças relacionadas com a obesidade.

Quais são os Remédios liberados pela Anvisa

Compreender e modificar suas atitudes alimentares é fundamental para perda de peso. Mas para algumas pessoas, isso não é suficiente, por isso acabam procurando um remédio químico para emagrecer como uma solução mais eficaz e duradoura.

A maioria dos profissionais de saúde concordam que o método mais saudável para perder peso é fazer exercícios regulares e uma dieta bem equilibrada de porções moderadas de alimentos saudáveis em relação a remédio para emagrecer rápido. A melhor maneira de perder peso é lentamente, perder um ou dois quilos por semana é viável e seguro, e fica mais fácil de manter os resultados.

Remedios liberados pela Anvisa

Em primeiro lugar, se queremos falar sobre comprimidos para perda de peso é necessário fazer uma distinção entre medicamentos e suplementos. No primeiro caso, tais produtos só podem ser comprado em farmácias, normalmente sujeitos a prescrição. O segundo, estão à mercê de todos, em lojas de produtos saudáveis, alguns shopping center, na internet e na mesma farmácia.

Cada tipo de fármaco age de forma diferente no organismo, sendo os mais vendidos porque de certa forma, provaram alguma eficiência. Atualmente, os medicamentos aprovados para fins de emagrecimento são:

Anorexígenos

Os medicamentos anorexígeno agem como supressores do apetite, induzindo à aneroxia. E por causarem efeitos colaterais perigosos, são vendidos somente com prescrição.

Sacietógenos

Os medicamento sacietógenos atuam no sistema nervoso central, agem nos neurotransmissores, dopamina e noradrenalina. Seu principal efeito é a redução do apetite. Como exemplo podemos citar a Sibutramina.

Sibutramina

A Sibutramina age no cérebro, reduzindo a fome, por isso é considerada um supressor do apetite. No entanto é prescrita somente para pessoas com obesidade ou com doenças ligadas ao excesso de peso.

Xenical

O Xenical atua diretamente sobre o metabolismo da gordura, ajudando a impedir sua absorção e eliminado-as nas fezes. Portanto, quando tomar este medicamento, pode observar fezes gordurosas.

Orlistat

O Orlistate age reduzindo a absorção da gordura, e eliminando-a pela evacuacao. Tal ação, provoca efeitos como flatulência, fezes oleosas e urgência fecal, especialmente após a ingestão de alimentos ricos em lípidos particularmente.

Saxenda

O Saxenda é um medicamento injetável vendido somente com prescrição, seu principio ativo chamado de Liraglutida imita um hormônio produzido naturalmente pelo corpo, que regula o apetite, conhecido como GLP-1.

Quitosana

A quitosana é uma fibra que absorve gordura. Ela tem a capacidade de interagir com a gordura do sistema digestivo, limitando assim a sua absorção. Assim, pode ser um complemento eficaz para ajudar na perda de pesoou para estabilizá-lo.

Hydroxycut

Age como acelerador metabólico que estimula a queima de gordura e também como um inibidor de apetite, no entanto, devido seus efeitos colaterais foi proibida nos EUA e no Brasil a venda é controlada.

Outro muito famoso é a Liraglutida que também tem sua venda controlada como todos fármacos para emagrecer.

Os 3 Tipos de Remédios para Emagrecer mais Procurados

Os remédios para emagrecer agem de diversas maneiras no organismo para contribuir com a perda de peso. Entre os quais os mais procurados são: inibidores de apetite, queimadores e bloqueadores de gorduras. Mas será que eles são realmente são eficazes?

Remedio para Emagrecer mais Procurados

Diminuir a absorção de gordura

Os alimentos ricos em gorduras são os principais culpados do ganho de peso. A ideia é simples: se a gordura é impedida de ser absorvida pelo intestino é reduzido o volume de calorias, e acabamos perdendo peso.

É possível encontrar formulas naturais ou sintéticas, algumas substância chegam a bloquear até 30% da gordura de ser digerida.

Queimando a gordura acumulada

Outra maneira proposta para perder peso: eliminar os depósitos de gordura do corpo. Hoje em dia a maioria dos produtos queimadores de gordura encontrado no mercado são: chás, cápsulas e alimentos. Geralmente tais produtos são à base de plantas ou substâncias naturais.

A sobrepeso também ocorre por causa de um desequilíbrio: o consumo de energia maior, do que se gasta! Se não for possível diminuir a quantidade de calorias ingeridas, eliminar o excedente é o começo para perder peso.

Isto é a proposta de alguns produtos. Os medicamentos atualmente disponíveis são esperados para agir em vários níveis, mas não mantém suas promessas sem uma mudança real no comportamento alimentar.

Ainda com tantas opções no mercado, a dieta hipocalórica junto com atividade física regular são, definitivamente, os únicos métodos que provaram ser um sucesso para emagrecer.

Suprimir o apetite

Os problemas com excesso de peso são frequentemente relacionadas com problemas de comportamento de alimentação. O fato de beliscar constantemente ou comer sem ter realmente fome, por exemplo. A idéia então é diminuir o apetite da pessoa e eliminar o desejo por comida, isso é o que promete os produtos considerados  inibidor de apetite.

Como Escolher um Remédio para Emagrecer

Os remédios em alguns casos podem ser um atalho para emagrecer rápido, em outros, representam um complemento importante para uma dieta. No entanto saber escolher o melhor entre tantas opções, pode ser uma tarefa difícil.

Os melhores são aqueles que conseguem perder peso sem ser prejudicial para o organismo. Eles podem agir de diversas formas para facilitar o emagrecimento: bloqueando gorduras, acelerando o metabolismo, outros agem como inibidores de apetite e outros são saciantes.

Para iniciantes

Um remédio para emagrecer caseiro também pode ser bastante eficaz. E sem dúvida, uma excelente alternativa para perder peso de forma saudável e sem efeitos colaterais. Os mais recomendados são: água morna com limão, chá de gengibre e shake de mamão com canela.

Alguns remédios para emagrecer naturais também são encontrados em cápsulas ou manipulados para facilitar o consumo, como no caso dos chás em saches, ou óleos e extratos naturais que já vem prontos para o uso. Alguns exemplos são: óleo de coco, chá de hibisco, chá verde, chia.

Para casos de obesidade

O Orlistat pertence ao grupo dos medicamentos inibidores da lipase. Lipases são enzimas digestivas que dividem a gordura ingerida, e assim se prepara para o processamento e utilização no corpo. Geralmente deve ser tomado pouco antes, durante ou depois de comer, desde que a refeição contenha uma quantidade moderada de gordura.

A Sibutramina age como um inibidor de apetite, chamado de anorexígenos, por reduzir a sensação de fome. O efeito baseia-se na inibição do centro da fome ou centro de saciedade no hipotálamo do cérebro. Isto reduz a ingestão de alimentos e ingestão de calorias, o que resulta numa redução no peso corporal.

Suplementos Naturais

Um produto vendido em farmácia e que funciona para perda de peso é o picolinato de crômio. Um mineral que tem um papel importante para ajudar a insulina no seu trabalho de introdução de açúcar (carboidratos) para os músculos, impedindo assim os sintomas de resistência à Insulina. Um exemplo de resistência à Insulina seria o aumento da gordura no abdómen.

Outro produto que pode ser adquirido em drogarias sem necessidade de prescrição é o quitosana, uma substância extraída da carapaça de crustáceos. Que teoricamente poderia ajudar a bloquear parte da gordura ingerida através da alimentação.

Tarjas

Os produtos de tarja preta são vendidos apenas com prescrição médica. Geralmente são fármacos que possuem maior risco para a saúde do consumidor. Com efeitos colaterais perigosos, podem causar dependência, morte ou sedação. Estas drogas são geralmente prescritas como última opção, onde não há nenhuma outra forma de tratamento mais eficaz.

No entanto se o produto for liberado pela anvisa, mesmo sendo tarja preta, pode ser adquirido em drogarias, desde que sob prescrição médica. Alguns dos recentemente liberados foram: Sibutramina, Orlistate, Liraglutida, Anfepramona e Anfetaminas.

Remédios Naturais mais Usados

Existem várias maneiras mais saudáveis ​​para perder peso, mesmo que dê mais trabalho. Mesmo assim os remédios para perda de peso são os mais procurados como uma solução rápida para perda de peso a longo prazo.

Remedio para Emagrecer Naturais

Isso porque atualmente as pessoas não tem tempo para seguir uma dieta balanceada, e muito menos para praticar alguma atividade física. No entanto, de acordo com especialistas, um medicamento para emagrecer só será útil quando usado em conjunto com uma dieta saudável e exercícios físicos habituais.

A combinação desses três fatores: comer menos, exercitar mais e cápsulas para emagrecer – pode ajudar a perder entre 5% a 10% do seu peso corporal total dentro de um ano. Somente o uso do medicamento, sem quaisquer alterações da vida diária, não é uma maneira saudável e eficaz para perder peso.

Queimadores de Gordura

Geralmente esses produtos são feitos com ingredientes naturais, que promovem a queima de gordura. Seja, acelerando o metabolismo através do aumento da circulação sanguínea ou termogênese corpórea, ou obrigando o corpo a gastar mais calorias para sua síntese.

Entre os ingredientes mais famosos nesta categoria, se destacam: cafeína anidra, aminoácidos, l-carnitina, ômegas, óleos vegetais.

Inibidores de apetite

Esses produtos são utilizados para controlar a fome durante dietas de emagrecimento, para que você coma menos. Ao reduzir as calorias, você vai forçar seu corpo a queimar o excesso de calorias armazenadas em forma de gordura corporal.

Os inibidores de apetite podem ser naturais ou sintéticos, existem vários inibidores da fome clinicamente comprovados, como: sibutramina, liraglutida, anfepramona, anfetamina, picolinato de cromo, psyllium.

Desintoxicantes

Esse produtos servem para purificar o corpo de toxinas que atrapalham a perda de peso. Geralmente são fabricados com ingredientes naturais como: goji berry, spirulina, hibisco, catequinas.

O armazenamento de toxinas indesejadas interrompem o seu metabolismo e sistema digestivo. Estes ingredientes de purificação ajudam na perda de peso, eliminando tais resíduos em poucos dias, reforçando simultaneamente a taxa metabólica e sistema digestivo.

Antes de escolher um remédio para emagrecer, procure rever seu estilo de vida, e aplicar hábitos saudáveis na sua rotina diária. Pode começar trocando açúcar por adoçante, lanches industrializados por frutas, etc. Deixe os medicamentos como ultima opção, quando realmente não conseguir emagrecer de outra forma.

Os produtos sintéticos, são os preferidos porque prometem uma perda de peso rápida e garantida. Uma promessa atraente, principalmente se ela pode ser adquirida de forma fácil, mas, na realidade, emagrecer rápido é perigoso e prejudicial. Estes comprimidos podem ter efeitos colaterais irreversíveis, e os resultados finais, muitas vezes não funcionam.

Efeitos colaterais

É muito importante estar ciente dos perigos e efeitos colaterais de fármacos dietéticos. Principalmente se tais comprimidos são inibidores de apetite ou estimulantes, eles podem ter efeitos desagradáveis como: ​​aceleramento cardíaco e efeitos secundários gastrointestinais. E algumas substâncias que bloqueiam a absorção de gorduras no corpo, também podem atrapalhar a inclusão de nutrientes vitais.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 voto, média: 5,00 out of 5)
Loading...

Deixe um comentário