Wiki da Saúde

Dieta do magnésio por que o magnésio ajuda na perda de peso

O magnésio é um dos nutrientes mais importantes para a produção de energia no corpo. E, no entanto, entre 10 e 20 por cento da população mundial sofre de deficiência de magnésio. Este mineral, presente em muitos alimentos, tem virtudes também quando o assunto é emagrecer. Fizemos um balanço.

Imagem ilustrativa de Dieta do magnésio

Não há mistério para perder peso, você tem que reduzir a ingestão de calorias e adaptar sua dieta ao seu estilo de vida. No entanto, alguns suplementos alimentares podem nos ajudar. Entre eles destaca-se o magnésio, que é muito mais destinado à fadiga e ao estresse do que no programa de emagrecimento! No entanto, este mineral pode ajudar, e muito, quando o assunto e perda de peso.

Magnésio em dietas de emagrecimento

O magnésio é muito conhecido por ser o mineral anti-stress por excelência. Graças a diferentes mecanismos de ação, intervém para acalmar o corpo e aliviar os sintomas de ansiedade. Em uma dieta, ele seria útil para reduzir a compulsão por comida, derivada do estresse.

 A deficiência de magnésio aumenta a sensibilidade ao estresse e diminui nossa fase de resistência promovendo a exaustão. O magnésio é algo a ter em atenção quando se quer perder peso porque ajuda a normalizar os níveis de açúcar no sangue e está associado à produção e utilização de energia pelas nossas células. 

Anti-depressão, anti-fadiga

Indispensável ao organismo, o magnésio pode em caso de deficiência ser responsável por grande fadiga, estresse e até depressão.

O magnésio desempenha um papel central no bom funcionamento do corpo. Entre outras funções, está envolvida na produção de energia nas células, na síntese dos elementos básicos do DNA e proteínas, participa do metabolismo dos ácidos graxos essenciais (ômega-3 e ômega-6) e tem um papel essencial na funcionamento cardiovascular e muscular.

Como fazer uma dieta com magnésio

Se você quiser seguir uma dieta com magnésio, duas porções de frutas e duas porções de vegetais por dia são suficientes, além de muitos produtos integrais. Você também pode comer um punhado de nozes ao longo do dia.

O magnésio é fornecido principalmente por alimentos como cacau e chocolate, produtos à base de cereais, oleaginosas (gergelim, amendoim, nozes, avelãs, amêndoas), vegetais e frutas secas (feijões secos, lentilhas, bananas secas, figos secos, damascos secos...), moluscos, arroz e pão integral.

Você pode cobrir suas necessidades com o seguinte plano diário exemplar:

Café da manhã

  • Duas fatias de pão integral com requeijão;
  • Queijo gouda;
  • Salsa fresca;
  • Um copo de leite integral.

Almoço e janta

  • Espinafre com batatas
  • Peixe
  • Agua mineral

Suplementos de magnésio

Em caso de deficiência de magnésio, também podemos recorrer aos suplementos alimentares à base de magnésio. O mineral é encontrado em uma variedade de compostos, mas nenhuma pesquisa ainda testou e comparou todos os compostos para determinar qual é o melhor. Estudos mostraram que os seguintes compostos podem ser considerados para suplementação:

  • Citrato de magnésio
  • Glicinato de magnésio
  • Orotato de magnésio
  • Malato de magnésio
  • Cloreto de magnésio

Em geral, se você é deficiente em magnésio, deve tomar suplementos por dois a três meses.

Quanto de magnesio devemos consumir

A dose de magnésio a consumir por dia é de 6 mg por quilo . Em média, isso representa uma necessidade de magnésio de 420 mg por dia para um homem de 70 kg e 360 ​​mg para uma mulher de 60 kg. As necessidades de magnésio variam de acordo com sexo, idade, peso. 

Assim, as necessidades de magnésio são aumentadas em crianças, idosos, mulheres grávidas e lactantes. Os atletas também têm uma maior necessidade de magnésio.